.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28

.babadices

. coisas que receio...

. manual de instruções prec...

. fim de semana

. os medos

. do fim de semana

. filho...não ligues

.babas antigas

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

.idade do G.

baby growth

.idade da M.

Lilypie First Birthday tickers
Quinta-feira, 14 de Janeiro de 2010

coisas que receio...

e pronto, seguindo a onde de "coisas que..." seguem-se os medos, as tretas..os desabafos..

 

Quando estava grávida do G. estive muito bem sem dores até ao final, às 38 semanas levantei-me a meio da noite para fazer xixi (achava eu) e não tive tempo para chegar à sanita porque afinal eram as aguas a rebentar. Pois eu sei que dificilmente haverá dois partos iguais, mas agora que a hora se aproxima, não consigo evitar que cada vez que me levanto à noite para ir à casa de banho penso: será que é agora? eu sei que ainda é cedo, estou de 33 semanas, ainda falta, mas mesmo assim, penso nisso 99% das vezes..

 

Porque é que isto me assusta? não é medo do parto em si, é só porque no do G. como começou ao contrário (ou seja, com o rebentamento das aguas, mas sem contracções e dilatação) demorou muito tempo...eu tive que ficar logo internada mas ele só nasceu 3 dias depois e eu só sai  3 dias depois...mas nessa altura era eu e o N. e ficar estes dias no hospital, claro que não gostei, claro que custou, mas era diferente... com o G....aperta-se-me o coração pensar que fico tantos dias longe, ainda para mais correndo o risco de ser perto ou no aniversário dele... Eu sei que ele fica bem entregue, eu sei que ele está preparado porque ja lhe expliquei muitas vezes que quando for para a mana nascer eu tenho que ir ao hospital...mas....quando foi do G. o N. teve lá comigo o tempo todo e foi muito importante para mim, nunca me senti sozinha, nunca tive medo, nunca me passou pela cabeça que alguma coisa pudesse correr mal, porque acho que fico mais forte com ele por perto, sinto que nada de mal se passa quando estamos os 2.

 

Mas eu sou adulta... e sei que para o G. também seria importante ter o pai com ele, principalmente se demorar tanto como demorou da outra vez...porque eu preciso do N. ao pé de mim, mas sei que em caso de duvida prefiro ficar eu sozinha do que saber que o G. está ansioso ou em sofrimento... só espero que a coisa seja mais rapida desta vez, não por mim, mas pelo meu miudo... ainda por cima ja sei que por causa da gripe não ha visitas, só entra mesmo o pai, não vai haver hipotese do G. la ir so ver-me e depois ir embora...ai que porra pa!

 

sinto-me: de coração apertado
tags: ,
publicado por maebabada às 10:06

link do post | babadelas | ver comentários (25) | favorito
Quarta-feira, 29 de Julho de 2009

manual de instruções precisa-se...

pois não sei se das 1001 conversas, se dos livros "ruca vai à praia" ou "arggggg tenho medo!", se por esta semana irem 3 amigos da sala dele, se inspiração do momento....ontem diz quem o viu na praia que nem parecia que alguma vez tinha tido medo....até mergulhou por baixo de uma onda (ok, este é 8 ou 80....)

 

Não sei se passou tudo (desconfio que fosse sorte a mais...) mas de qualquer maneira como o medo apareceu de repente, pode ser que tenha ido embora também derepente...hoje logo se vê o que acontece....e depois ainda dizem que as mulheres são complicadas, irra que os putos não se percebem!!!!!

 

 

Nota:...para o creme ainda não ha solução à vista...ja comprei em spray, ja me pus a desenhar letras enquanto o punha....temos berreiro todos os dias....so penso nas férias...(será que da para fazer neve nesta altura do ano...????)

sinto-me: baralhada
tags: , ,
publicado por maebabada às 11:14

link do post | babadelas | ver comentários (14) | favorito
Segunda-feira, 27 de Julho de 2009

fim de semana

Foi um fim de semana de tentativa de combate aos medos...

 

No sabado fomos de manha para a praia para ver se indo conosco conseguiamos perceber e ajudar a ultrapassar a situação, teve algumas crises, seguidas de acalmia e também, felizmente, muito divertimento. Acho que foi bom, produtivo, mas ainda sem sucesso a 100%

 

Domingo foi dia de piscina, mais choro, mais explicações e por fim....depois de andar com um vizinho a ver os buracos todos e de por a mão de um lado e ver que saia do outro (para explicarmos que o buraco tem fundo e que não é possivel desaparecer por aqueles buracos..) la conseguimos que se divertisse também...

 

Têm sido dias desgastantes, é que ele fica em panico mesmo e é preciso muita calma e paciencia para o conseguir acalmar ao ponto de dar para conversarmos...vamos ver hoje a praia como corre, já estamos a ponderar não o mandar o resto da semana para a praia se hoje a coisa correr mal.

 

sinto-me: desgastada
tags: ,
publicado por maebabada às 11:24

link do post | babadelas | ver comentários (14) | favorito
Sexta-feira, 24 de Julho de 2009

os medos

depois dos pesadelos e do panico com os buracos da piscina, temos um medo novo....ontem a educadora perguntou se tinha havido algum susto no mar ou na piscina porque ele quando viu as cordas do banheiro dentro do mar começou aos berros e desde isso não conseguiu mais leva-lo à agua.....

 

Ontem e hoje la estive a conversar com ele que é natural ter medos, que toda a gente tem, mas temos que ser fortes e lutar contra isso ....que as cordas estão la para ajudar e blablabla, mas saiu de casa a dizer que não queria ir à agua e logo lagrimas nos olhos....sinceramente não sei o que fazer...é que sim os medos são normais, mas os medos dele são incapacitantes porque o impedem de se divertir...ja na piscina têm sido conversas e mais conversas e agora na praia....ai a minha vidinha......

sinto-me: medrosa
tags: ,
publicado por maebabada às 10:33

link do post | babadelas | ver comentários (14) | favorito
Segunda-feira, 13 de Julho de 2009

do fim de semana

....hum....nada, quase nada:o)), muita preguiça e pouco mais.

 

sábado à noite fomos jantar ao freeport (não, ninguém nos pagou o jantar nem as compras , mas foi bom à mesma, tirando a parte das casas de banho se terem eclipsado e ter percorrido quase meio outlet com o G a dizer "mãe, a minha pilinha está cheia de chichi..."

 

no regresso aconteceu uma coisa que ja não acontecia desde que o G. era bebé, adormeceu no carro e não acordou quando o tirámos, nem quando o descalçamos...

 

domingo, fomos até à piscina, muito vento...e muita paciencia...pois que os pesadelos nocturnos do G. transitaram para o dia..não sei porquê mas anda com pavor que as coisas desapareçam nos buracos da piscina (onde está buracos leia-se respiradouros ou lá como se chama...são aquelas coisas para a agua entrar e sair..) então se vê uma bola ou um chouriço a aproximar-se desses buracos fica em panico...la andei a meter eu a mão e o pé no raio dos buracos para ele ver que as coisas não desapareciam, la lhe mostrei que ha buracos em todo o lado e que as coisas não desaparecem, mas embora enfraquecido o medo não ficou vencido....ai a minha vida!

sinto-me: cansada
tags: ,
publicado por maebabada às 10:10

link do post | babadelas | ver comentários (18) | favorito
Quinta-feira, 24 de Julho de 2008

filho...não ligues

Não gosto que chateiem o meu filho por causa dos seus medos...não gosto que digam "és um caguinchas, ou medricas, ou mariquinhas", detesto, acho que não faz sentido, é uma falta de respeito...

 

ele tem os seus medos claro, não gosta de barulhos fortes, não gosta de alturas (ex. se vai a andar de triciclo e se aproxima de uma descida acentuada pede para sair), se vê um cão a vir direito a ele recua... acho que são medos naturais que merecem respeito e atenção e não gozo ou menosprezo, por isso  te digo, filho não ligues.

 

Acho que faz falta aos adultos porem-se na pele das crianças, pensarem que estão a aprender a viver neste mundo, estão a conhecer tudo e não têm certezas... é por-mo-nos de joelhos e ver um cão a correr e parar para  pensar que se vissemos um cão maior que nós a saltar de boca aberta secalhar tinhamos medo...que se ouvissemos barulhos e não soubessemos o que são, também não gostávamos...

 

e depois irrita-me que digam "a culpa é tua se lhe dás logo colo"...desculpem lá, o meu filho assusta-se, pede colo e eu vou dizer não???? como é obvio pego-lhe, sossego-o e explico-lhe que não motivo para ter medo! os medos dele são para respeitar porque são dele, porque os ha-de ultrapassar aos poucos, mas ao seu jeito e no seu tempo. Sem stress, nem imposições. Os medos não são para fomentar como é obvio, mas são para respeitar e ajudar a ultrapassar, por isso, filho, não ligues, e sempre que tiveres medo, tenhas 2 ou 20 anos, podes vir ter com a mãe que terás sempre colo e compreensão! 

 

 

sinto-me:
tags: , ,
publicado por maebabada às 10:48

link do post | babadelas | favorito

.links

.idade da M.

Lilypie First Birthday tickers