.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28

.babadices

. quase, quase, quase...

. dia nos namorados...

. eles

. noticias

. fim de semana

. to do list 2011

. eles

. eles

. natal e passagem de ano

. feliz natal

.babas antigas

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

.idade do G.

baby growth

.idade da M.

Lilypie First Birthday tickers
Quinta-feira, 14 de Janeiro de 2010

coisas que receio...

e pronto, seguindo a onde de "coisas que..." seguem-se os medos, as tretas..os desabafos..

 

Quando estava grávida do G. estive muito bem sem dores até ao final, às 38 semanas levantei-me a meio da noite para fazer xixi (achava eu) e não tive tempo para chegar à sanita porque afinal eram as aguas a rebentar. Pois eu sei que dificilmente haverá dois partos iguais, mas agora que a hora se aproxima, não consigo evitar que cada vez que me levanto à noite para ir à casa de banho penso: será que é agora? eu sei que ainda é cedo, estou de 33 semanas, ainda falta, mas mesmo assim, penso nisso 99% das vezes..

 

Porque é que isto me assusta? não é medo do parto em si, é só porque no do G. como começou ao contrário (ou seja, com o rebentamento das aguas, mas sem contracções e dilatação) demorou muito tempo...eu tive que ficar logo internada mas ele só nasceu 3 dias depois e eu só sai  3 dias depois...mas nessa altura era eu e o N. e ficar estes dias no hospital, claro que não gostei, claro que custou, mas era diferente... com o G....aperta-se-me o coração pensar que fico tantos dias longe, ainda para mais correndo o risco de ser perto ou no aniversário dele... Eu sei que ele fica bem entregue, eu sei que ele está preparado porque ja lhe expliquei muitas vezes que quando for para a mana nascer eu tenho que ir ao hospital...mas....quando foi do G. o N. teve lá comigo o tempo todo e foi muito importante para mim, nunca me senti sozinha, nunca tive medo, nunca me passou pela cabeça que alguma coisa pudesse correr mal, porque acho que fico mais forte com ele por perto, sinto que nada de mal se passa quando estamos os 2.

 

Mas eu sou adulta... e sei que para o G. também seria importante ter o pai com ele, principalmente se demorar tanto como demorou da outra vez...porque eu preciso do N. ao pé de mim, mas sei que em caso de duvida prefiro ficar eu sozinha do que saber que o G. está ansioso ou em sofrimento... só espero que a coisa seja mais rapida desta vez, não por mim, mas pelo meu miudo... ainda por cima ja sei que por causa da gripe não ha visitas, só entra mesmo o pai, não vai haver hipotese do G. la ir so ver-me e depois ir embora...ai que porra pa!

 

sinto-me: de coração apertado
tags: ,
publicado por maebabada às 10:06

link do post | babadelas | favorito
25 comentários:
De energia-a-mais a 14 de Janeiro de 2010 às 10:48
Olha eu também me passaram pela cabeça os tais medos e tretas...quando foi do Rafa, o medo principal era o de o perder...tinha tido dois abortos expontâneos antes e por isso andei acagaçada até ao fim...depois correu tudo mal, desde o parto que durou 16 horas, até à fase de recuperação que foi péssima! e depois do que passei com ele nos 6 anos que tem de diferença do mano, o meu medo aquando do Quico era mais «e se o parto for doloroso e eu tiver uma péssima recuperação, como faço com o Rafa?» Mas pronto nada se passou igual, foi tudo muito mais fácil do que imaginara e consegui dar conta do recado!
No fundo, é normal ter esses medos e tal...temos é de pensar que não estamos sós e vamos ser capazes!
beijocas
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 11:20
o parto do G. demorou 32 h... foi um susto, mas eu por mim não stresso, porque depois a recuperação foi boa e ele nasceu bem e fomos os dois porreiros da vida para casa, so que não me apetecia nada ter que ficar tanto tempo longe de casa, sobretudo por sermos os dois, eu e o N....sinto assim que o miudo fica abandonado (apesar de eu saber que não, que o vão encher de mimo e tal...)

beijocas
De mil sorrisos a 14 de Janeiro de 2010 às 11:22
São dúvidas e receios naturias... Aproxima-se o grande dia. De certeza que tu e o N. vão saber fazer tudo da melhor maneira para ti e para o G. Realmente é uma penas as restricções devido á gripe A, mas tem de ser... Vai correr bem!
beijos e mil sorrisos
:o)))
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 11:21
espero que sim, que saibamos fazer as coisas bem, também sei que isto me preocupa mais a mim e me deixará provavelmente mais stressada a mim do que ao G., mas prontos, uma gaja gravida tem destas coisas:o)))

beijcoas
De Noc@s a 14 de Janeiro de 2010 às 11:30
Iztupida pá! Não sabes em que estado me encontro?!?!?!?!? Não bastou a brincadeirinha de ontem!??!?!?! Mau!!!! Olha que quenm ainda nasce antes do tempo é o meu/minha... É verdade eu também preciso tanto do meu husband e esse também é o meu receio e também sei essas coisas em relação ao meu pulgo... Mas ainda que eu não pense ainda nisso, quando agora li o teu post senti-o como se fosse meu (ainda que eu não tenha estado 3 dias no hospital), pois eu preciso mesmo muito dele é o meu porto seguro :o)
Jocas e tudo vai correr bem com a minha sobrinh@ tenho a certezinha e ela é uma menina linda que vai dar uma hora pequnina à Mamã :o)
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 11:24
eu estive no total quase 6 dias...e essa é a causa do meu stress, é que 6 é muito tempo....ta bem que depois da miuda nascer é diferente porque o N. pode ir para casa para ao pé do G. e dar-lhe atenção e mimo, mas antes da miuda nascer faz-me tanta falta a mim... enfim, não ha-de ser nada, vais ver que é drama sem sentido. Ah e quanto tu escreveres um post deste genero eu la estarei para te dar na cabeça e dizer para não seres parva que vai correr tudo bem:o)))

beijocas barrigudas
De María a 14 de Janeiro de 2010 às 12:34
Linda, os teus receios são tão normais. O que eu me debati com este assunto quando foi do Cunca, és capaz de ter lido os meus desabafos na altura, há ano e meio atrás.

O que toda a gente me dizia e eu acabei por interiorizar, era que o David ficaria bem com os meus pais. O meu medo era ser a meio da noite, o que faria? Ele acordaria e nenhum de nós estaria em casa?

Só que sabes uma coisa? Não era só eu que tinha voto na matéria, o Pai também tem. Não o deixaram assistir ao parto do D., quase não esteve ao pé de mim, e o que isso me custou, só eu sei, ainda para mais sendo o 1º filho.
No 2º decidi que o meu parto seria em condições e humano. Tinha de ser assim. Foi mais fácil tomar a decisão porque o parto do D. apesar de bem rápido, foi desumano. Então decidi que queria a minha GO a fazer o parto, quando o T. decidisse nascer, num hospital privado que aceitasse assim e queria o meu marido ao meu lado, sempre!

Deixei tudo preparado, já tinha tudo estudado dependendo das horas a que ele decidisse nascer. Surpreendentemente, correu tudo como eu queria. As contracções começaram ao meio-dia, ainda fui buscar o D. á escola às 16h, toda eu me contorcia. Ainda estive um bocado com ele, o pai chegou às 17h30 e eu às 18h liguei à obstetra e às 18h30 saímos de casa.
O D. não se chateeou nada, ficou todo contente por jantar com os avós. Deitaram-no e ficaram à espera do meu marido que chegou por volta da 1h. Quando o D. acordou estava lá o pai :)

Vais ver que tudo vai correr bem, tens é de já ter os planos bem estudados. Eu imaginei diversos cenários e sempre pensei no melhor para o D., mas também no melhor para nós os 3. Porque o Pai também tem voto na matéria.

Perante as minhas inúmeras angústias na altura, porque uma delas era querer o D. o máximo tempo possível no hospital porque eu ia morrer de saudades dele, ela disse-me assim: María, pensa que o T. é o 2º filho e uns dos raros momentos que ele vai ter de "filho único" serão esses 2 dias na maternidade. Vais estar cansada após o parto e vais querer olhar e mimar o novo bebé. O mais velho fica bem.

Eu acho que nós temos a tendência de nos preocupar demasiado, isto digo eu agora, porque olho para trás e sentia o que tu sentes, mas agora vejo a coisa de outra forma e é verdade, os mais velhos ficam BEM!

Pensa na falta que te vai fazer o teu marido na altura.

Beijos mil e desculpa o testamento, estou nostálgica hoje :)

María
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 11:27
eu lembro-me de te ter lido na altura, lembro-me dos teus medos:o)

eu sei que ele fica bem com os meus pais, não tenho duvidas, ja temos combinado que se for a meio da noite ligamos e os meus pais vão la para casa para tomar conta dele... o meu medo é mesmo que dure muito tempo e que ele comece a ficar ansioso..e o facto de poder ser muito perto dos anos dele não ajuda nada...enfim, também não ha muito a fazer, a miuda vai ter que sair e ha-de ser quando e como ela quiser..

beijocas
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 12:00
ha pouco esqueci-me, no caso do G., o parto foi num hospital publico, mas o N. teve comigo o tempo todo, ou melhor, a partir do momento em que fui para a sala de partos, deixaram-no estar la sem qualquer restrição, de dia e de noite, ele ficou la, não tinha cama, nem nada, porque era mesmo sala de partos não é suposto passar la tanto tempo, mas eu gosto de ser diferente:o)), mas ele pode ficar sem problema

beijocas
De Mae_qb a 14 de Janeiro de 2010 às 16:02
Opá... oh oh oh oh oh pariga... tu pá... qué-se-dizer... eu comecei-te a ler e já não tive (pachorra) cabeça para ler tanta parvoice (perdoa-me mas é mesmo assim, à bruta)

Tu mentaliza-te, o que tiver de ser é, e não vale a pena estares prai a pensar ah e tal é agora, ou ah e tal vou ficar internada 10 anos (LOL)... pá, esquece!

A miuda vai nascer e ponto, como vai ser ou como não vai ser, logo verás... não stresses!

jocas



De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 11:19
és muita bruta! e ainda te queixas por eu te mandar por sal no peixe! soubesse eu o que tinhas escrito aqui e tinha-te dito coisas bem piores:P

beijocas (ou talvez não!)
De Mae_qb a 15 de Janeiro de 2010 às 14:14
ahahahahahahah

Epa tu desculpa lá, mas eu ontem tava desnorteada com os meus 5 filhos e calhas-te na rifa LOLOLOL

jocas

P.S. Mas digo-te já, EU NÃO FAÇO SOPA SALGADA... o puto é que tem a mania de embirrar comigo... não sei se já reparas-te ! (lol)
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 14:55
não sei não....secalhar o puto até tem razão e tu ainda poes o miudo com hipertensão com tanto sal:P

beijocas e bom fim semana:o))
De Mae_qb a 15 de Janeiro de 2010 às 16:08
hipertensão não digo, mas que ele ás vezes parece hiperactivo parece... será mesmo do sal?

LOLOL
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 16:26
olha vai na volta...:o))
De mamaepedro a 15 de Janeiro de 2010 às 11:54
Tava aqui a pensar, já que o G. está a tomar a vacina da gripe A, ele já não é um perigo de a contrair, por isso deve poder ir ver-te , não?
Pois, no meu caso iria pensar exactamente assim, com muita peninha do meu pikeno, que ainda por cima só quer adormecer comigo :o(((.
No entanto, se eu pensar em engravidar, exigo marcação de cesariana para o dia tal ;o)))

Beijokas
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 11:58
eu também ja pensei nessa hipotese, mas não sei se deixarão porque penso que são normas gerais e se começam a abrir excepções..ja sabes como é o portuga..depois é a da cama do lado que diz que também e depois eles têm que andar a ver cadernetas de vacinas..e não sei...mas na altura se a coisa se demorar eu irei fazer o choradinho para deixarem o miudo ir dar-me um beijinho, 5 minutos só...
beijocas
De me a 15 de Janeiro de 2010 às 11:59
Ai ai ai! Então que é lá isso?

Vai correr tudo bem, tenho a certeza! Miss Maria não vai dar trabalho nenhum e vai poupar a família a tal sofrimento!

[vai-se guardar para a adolescência e os namoricos! :o)))]

Agora a sério, não há dois partos iguais e sabes que a tua família está aí para te ajudar com o G.! e também ao N., que afinal também vai querer ver a sua princesa nascer, estar com ela - bem com à rainha da vida dele.

Beijinho grande e "No stress!"
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 12:10
quanto ao resto, no outro dia numa loja perto da minha médica mandamos fazer uma t-shirt para o G. que diz" sou o guarda-costas da minha mana", portanto o pai acha que assim pode controlar os namoricos:o)))

quanto ao resto, eu sei que sim, acho que deve haver 1 hipotese em 1 milhão de me calhar na rifa um parto igual, mas ja sabes que gaja gravida complica um cadito as coisas:o))) so espero entrar ja cheiinha de dores e com a miuda pronta para nascer e com as aguinhas todas ca dentro:o)))

beijocas
De me a 15 de Janeiro de 2010 às 12:25
Ontem nasceu mais uma "sobrinha" minha, a M., e foram quinze minutitos de parto! :)

Vês???
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 12:37
ai que raiva pa! fazem-me os nervos essas gajas pa! é como aquelas que dizem, ai foi tão rapido que nem deu para levar epidural :P

que inveja ! quando for grande quero ser assim! (e nada de piadas acerca do ser grande e blablabla que o assunto é serio!:P
De me a 15 de Janeiro de 2010 às 12:41
:o))))

Opá mas esta é já a terceira! Quarias o quê? :p

Vai lá ter a Maria, qua quando fôres ao Francisco conversamos!
De maebabada a 15 de Janeiro de 2010 às 12:45
:o)))

nós na familia temos tal sina que o meu pai depois do parto do G. so dizia "voces as duas estão proibidas de engravidar! ou então eu vou viajar quando for a altura do parto que eu não volto a passar esta crise de nervos":o)))

ja lhe disse que não pode ir para lado nenhum que a missão dele é tomar conta do G., mas ele ja anda aflito:o))

beijocas
De C. a 15 de Janeiro de 2010 às 22:26
Como eu te entendo!!! A minha E. nasceu de 36 semanas pois tive problemas de palcenta. E por nascer prematura não comia a não ser por sonda, ficou internada 1 semana na neonatologia. Até aí tudo bem porque éramos só eu e o G., e a pequena E acabadinha de nascer. Quando foi do J., fiquei com receio de ter novamente a insuficiencia placentaria, mas correu tudo bem felizmente. Só que o meu J. decidiu nascer às 37 semanas!!! E como gemia foi também para a incubadora. Foram só algumas horas , e correu tudo bem. Mas o certo é que naquelas 2 horas só pensava na minha E., e estava cheia de medo do rapazito ter de lá ficar na Neo. Fiquei internada 4 dias por causa de um hematoma, a princesa foi ver o mano todos os dias, mas eu estava DESEJANTE de voltar para casa, para junto da minha família ( o meu G e a minha E.).
Desejo-te que tudo corra bem, que não venha antes de tempo ( pois aí pode o BB ter de ficar vários dias internado) e muita felicidade para todos vocês, os 4 !
De maebabada a 18 de Janeiro de 2010 às 11:53
é complicado..quando somos só nós tudo parece mais simples, quando ha estas coisitas que dependem de nós...o stress aumenta..espero que seja rapido e que corra tudo bem...

beijocas

Comentar post

.links

.idade da M.

Lilypie First Birthday tickers